O papel dos custos na economia das empresas

Gerenciar os custos e despesas da empresa - Gestão de Custos

A gestão de custos pode ajudar a precificar corretamente os seus produtos considerando melhor a margem de lucro. Através desse diagnóstico é possível entender quanto custa manter a sua empresa aberta e quais são as possibilidades de lucro.

Gerenciar os custos e despesas da empresa é fundamental para administrar um negócio saudável e competitivo. Por isso mesmo esse tem sido um tema recorrente dentro das grandes corporações e dos médios e pequenos empreendimentos.

A gestão adequada dos custos, porém, leva tempo. É um processo que muitas vezes requer a reeducação da equipe e de todos os envolvidos para que, de fato, ocorra uma transformação capaz de impulsionar a marca.

O mais importante é saber que essa estratégia deve extrapolar os limites da sala do financeiro e chegar a todos os departamentos que interessam.

O setor comercial, o RH e todos os outros que compõem o seu negócio devem agir em comunhão para que os bons resultados sejam obtidos e as metas alcançadas.

Análise Gratuita de Consultoria em Redução de Custos - Souf Consultoria Financeira

Muito além do financeiro – Quem se responsabiliza pelas despesas da empresa?

Quando falamos em custos e despesas da empresa, imediatamente imaginamos que o único departamento capaz de lidar com esse assunto de forma autoritária é o financeiro. Mas, não é bem assim que funciona – ou, ao menos, não deveria ser.

Os custos envolvem toda a cadeia produtiva. Nesse processo, muitos departamentos acabam envolvidos na questão – direta ou indiretamente.

Fato é que a empresa precisa adquirir um aspecto sustentável. Ou seja, suas atividades precisam render mais do que gastar, mas sem que os custos essenciais do seu negócio sejam postos em risco.

Nesse sentido, deter um conhecimento profundo e acentuado a respeito da prática operativa é algo importante e até essencial.

É justamente por isso que envolver os demais departamentos e contar com a colaboração de profissionais altamente capacitados é algo tão necessário.

O que é e por que é essencial fazer uma gestão adequada dos custos?

Dito isso, podemos confirmar que a boa gestão dos custos e despesas das empresas é o ponto de partida para quem quer crescer de maneira exponencial.

Uma empresa saudável deve contar com uma administração adequada. Em suma, isso significa gerenciar bem todas as questões que envolvem a cadeia produtiva em todas as suas etapas.

A gestão de custos é um dos pilares mais importantes para conquistar isso. Através de estratégias desenvolvidas e aplicadas de maneira adequada é possível entender falhas e desvios no processo empresarial que podem gerar custos além do necessário.

·        Quanto você precisa para manter sua empresa funcionando?

Você sabe quanto lhe custa o seu negócio por mês? Para começar a realizar uma boa gestão dos custos na economia das empresas é preciso, primeiro entender a que, exatamente, eles se referem.

Os custos são os investimentos destinados a tudo aquilo que é básico, essencial para a oferta de um produto ou de um determinado serviço.

Nesse sentido podemos citar rapidamente alguns fatores, variáveis ou fixos, como:

  • Insumos;
  • Mão de obra;
  • Equipamentos essenciais;
  • Energia elétrica;
  • Manutenção do espaço, tec.;

Sem investir nesses fatores você também não tem como produzir, o que significa que consequentemente não conseguirá atender ao seu cliente com a maestria esperada.

Ocorre que muitas vezes esses dados são ignorados. Seja por uma rotina atribulada e cheia de tarefas, ou simplesmente por desconhecer a real relevância disso para os negócios, muitos gestores ignoram ou não praticam a gestão de custos.

O resultado é uma empresa que se torna insustentável e cada vez mais fragilizada perante a concorrência e o mercado de modo geral. Afinal, sem saber quanto você gasta é impossível praticar um preço final honesto e interessante.

Custos variáveis e custos fixos

Também é importante que se tenha pleno conhecimento a respeito do que são os custos variáveis e custos fixos. Ambos devem ser geridos e devidamente contabilizados para um controle adequado da economia financeira.

  • Custos fixos:

Conforme sugere o termo, custos fixos são aqueles que se repetem e que não vão deixar de existir. Por exemplo, o aluguel, os gatos com contas de luz, água e outros mais.

  • Custos variáveis:

Os custos variáveis são aqueles que se referem a produção em si, como insumos, salários, impostos etc. São valores que dizem respeito especificamente a criação do seu serviço ou

A gestão de custos e seu impacto no preço final

Não há como falar em precificação sem analisarmos a (gigantesca) importância da gestão de custos. O raciocínio é simples:

Somente sabendo quanto é que custa produzir algo é que você saberá o valor que deve estabelecer para venda. Quando a gestão de custos e despesas na empresa é feita com atenção isso se torna muito mais eficiente.

Gestão de custos x volume de produção:

Há ainda que se considerar outro fator de extrema relevância. Quando você descobre e considera o valor de produção, consegue entender qual é a margem de lucro possível para determinado produto ou serviço.

Nesse sentido, você também terá respaldo para identificar aqueles produtos/ serviços que não possuem uma margem de lucro verdadeiramente interessante. Assim sendo, é possível adotar outras estratégias que compensem isso.

Uma delas é o aumento da produção e investimento em marketing para que a compensação venha em volume de vendas e não em valor de ticket médio. Perceba que sem um conhecimento adequado com relação aos custos isso se torna impossível de definir.

Quais são os riscos associados a uma má gestão de custos?

Tão importante quanto saber exatamente o que é e como fazer uma boa gestão dos custos na economia das empresas é compreender qual pode ser o impacto negativo causado por uma gestão inadequada.

Perda de dinheiro:

Obviamente o principal dano vem em forma de perdas financeiras. Elas ocorrem através da precificação deturpada, estabelecida sem considerar os custos e a margem de lucro adequada.

Esse pode parecer um problema simples inicialmente, mas acaba se transformando em uma bola de neve se não for devidamente solucionado.

Falta de subsídios nas tomadas de decisões:

Também podemos apontar o quanto a ausência de uma boa gestão pode acarretar dificuldades para a tomada de decisões. Isso atrasa a criação de estratégias, o fechamento de contratos e pode levar a erros drásticos.

Erros no estoque:

Uma empresa que não consegue administrar corretamente os seus custos também não consegue gerenciar bem o estoque. Sem precificar adequadamente e sem gerir os investimentos os erros nesse setor se tornam uma consequência certa.

Baixo potencial competitivo:

Enquanto você não se atenta a esse fator tão importante, seus concorrentes diretos investem nisso. Dessa forma, o seu negócio se torna menos competitivo e mais suscetível a erros diversos.

O impacto da falta de gerenciamento dos custos na economia das empresas pode ser desastroso e trazer prejuízos em curto ou longo prazo, fazendo com que você perca dinheiro ao invés de ganhar.

Souf Consultoria Empresarial - Saiba como reduzir Custos e aumentar os lucros.

Melhore a produção e a qualidade dos seus produtos

Sim, um dos papeis da gestão dos custos na economia das empresas é justamente auxiliar no aumento da lucratividade. A matemática é simples: entendendo o quanto você investe fica mais fácil descobrir quanto cobrar.

Mas, não é só isso. Talvez você esteja investindo aquém do necessário. Talvez os seus custos sejam destinados a finalidade errada e por isso não sobra verba para melhorar a qualidade do que você entrega ao seu consumidor final.

Também é o melhor método para entender quais são os serviços/ produtos que trazem o melhor custo-benefício. Assim sendo, fica mais fácil investir naquilo que realmente compensa e diminuir os gastos com aquilo que não traz tano resultado.

Produtos melhores trazem mais clientes:

Como resultado você verá um aumento considerável em sua carteira de clientes. Isso acontece porque com entregas mais qualificadas as chances de receber mais atenção de sua audiência também aumenta.

Perceba que os custos e despesas da empresa trazem um impacto que acompanha o negócio em todas as suas camadas, desde a tomada de decisão até a prática de alguma estratégia previamente estabelecida.

Ainda assim há quem ignore isso e prefira viver “ás escuras”, sem efetivamente compreender o quanto custa manter o negócio funcionando e o quanto disso retorna em lucro todos os meses.

A Souf tem a melhor solução para gerenciar seus custos

Colocar uma empresa em pé é um trabalho árduo e complexo. Mas, ainda mais difícil é mantê-la em funcionamento de maneira correta, gerando uma atividade sustentável e longeva.

Naturalmente é complexo pensar em todos os detalhes e administrar adequadamente todos os setores. Mas, nem de longe isso deve ser desculpa para negligenciar o seu empreendimento.

A Souf oferece soluções para organizar os custos e despesas da empresa criando estratégias personalizadas para o seu negócio.

O processo começa através de um diagnóstico que identifica quais são os pontos passíveis de melhorias.

A partir daí cria-se uma estratégia adequada e por fim um plano para a sua implementação. Você também contará com um acompanhamento assíduo para garantir os resultados esperados.

Os custos e despesas da empresa representam um dos alicerces mais importantes para manter o seu negócio em pleno funcionamento. É por isso que você deve incluir esse assunto entre as suas prioridades administrativas.

O resultado será uma empresa mais forte, competitiva e saudável. Isso se refletirá em lucro tanto através do aumento e vendas quanto no melhor aproveitamento das oportunidades.

Gostou? Compartilhe!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

×

Vamos falar sobre seu negócio?

Clique abaixo para conversarmos.

×